Bolsonaro no Congresso: entre autoria e coautoria foram 634 projetos apresentados – Paraná Notícias

Bolsonaro no Congresso: entre autoria e coautoria foram 634 projetos apresentados

A média de projetos de Bolsonaro entre autoria e coautoria é de 23, 4 projetos por ano o que equivale aos 634, apresentados até o ano passado Foto: Nilson Bastian / Câmara dos Deputados

Ao se falar em Jair Bolsonaro, logo se lembra de um político de carreira, com 27 anos de Congresso Nacional. Essa questão imediatamente se associa ao fato do deputado não ter um papel muito marcante na questão da aprovação de seus projetos. Mas, seria porque os projetos/PECS realmente são ruins?

Qual a função de um deputado?

Bolsonaro está em seu sétimo mandato como deputado federal, um parlamentar tem a obrigação de apresentar projetos ou de ser coautor dos mesmos, mas a aprovação é por conta do congresso. A média de projetos de Bolsonaro entre autoria e coautoria é de 23, 4 projetos por ano o que equivale aos 634, apresentados até o ano passado.

Para uma breve comparação, o ex-presidente Lula quanto também foi deputado federal, apresentou durante seu mandato apenas seis (6) projetos, nenhum saindo do papel. Isso dá uma média de 1,5 projetos por ano.  A maioria do projetos que Bolsonaro apresentou tem relação com a segurança e saúde. O próprio Bolsonaro argumenta que muitos de seus projetos foram vetados, explicando que o congresso não tem interesse em avalizar projetos que vão ao encontro do anseio da população.

E aí, dá para confiar nesse congresso como o nosso?

você pode gostar também Mais do autor