Fim da novela, regularização fundiária deverá ser realizada em 18 meses – Paraná Notícias

Fim da novela, regularização fundiária deverá ser realizada em 18 meses

Nessa quinta-feira, 01, a equipe da Cohapar esteve em Rancho Alegre D’oeste, no Centro Cultural, onde centenas de pessoas participaram de uma reunião onde foi explicado a situação cadastral dos lotes que serão regularizados. Aproximadamente 600 lotes deverão receber escrituras definitivas de propriedade, realizando assim um sonho antigo da população.

O diretor de regularização fundiária da Cohapar, Nelson Cordeiro Justus explicou que o projeto de regularização fundiária começou em 2011, quando o então prefeito Valdinei Pelói solicitou a regularização dos lotes do município. “Iniciamos uma grande jornada no estado e priorizamos o município de Rancho Alegre D’oeste, pois a prefeita Suely sempre nos inteirou sobre a necessidade da regularização”, falou o diretor.

O projeto faz parte do programa Morar Legal Paraná que consiste em normalizar a documentação dos imóveis de famílias paranaenses, para que elas vivam com mais tranquilidade ao conseguirem o reconhecimento legal de suas moradias. Com o documento, é possível adquirir financiamentos ou realizar melhorias estruturais. O trabalho será executado por uma empresa especializada do ramo que foi escolhida por meio de processo licitatório da companhia pelo critério de menor preço. O prazo para a entrega das escrituras é de 18 meses.

A prefeita Suely agradeceu a Cohapar pelo empenho e se mostrou muito confiante com a regularização dos lotes. “Quero agradecer a confiança da Cohapar por nos amparar neste projeto, estou muito feliz pela comunidade que poderá em breve receber seus esperados documentos.

PARANÁ NOTÍCIAS – A informação como ela é.

 

você pode gostar também Mais do autor