“Se gritar pega Centrão não fica um meu irmão…” Bloco conta com 115 congressistas sob suspeita. Para complicar ainda mais, ex-secretário de Geraldo Alckmin é denunciado pela Lava Jato por fraudes do Rodoanel – Paraná Notícias

“Se gritar pega Centrão não fica um meu irmão…” Bloco conta com 115 congressistas sob suspeita. Para complicar ainda mais, ex-secretário de Geraldo Alckmin é denunciado pela Lava Jato por fraudes do Rodoanel

Os partidos do Centrão – PSDB, PP, PR, PRB, PTB, DEM e Solidariedade – oficializaram seu apoio à pré-candidatura do tucano Geraldo Alckmin à Presidência da República. O ex-governador de São Paulo que em 2006 concorreu pela primeira vez, conseguiu reunir partidos que estão atolado até o pescoço em corrupção.

De acordo com levantamento realizado, os partidos que compõe o tal do “Centrão” conta com 115 congressistas sob suspeita.

Lava-Jato de SP denuncia ex-secretário de Alckmin por fraudes no Rodoanel

Para complicar ainda mais o pré-candidato à presidência, a força-tarefa da Lava-Jato em São Paulo denunciou o ex-secretário do governo Geraldo Alckmin, Laurence Casagrande Lourenço, e mais 13 pessoas por supostas fraudes na licitação de três lotes das obras do trecho norte do Rodoanel. Laurence era o presidente da Dersa no momento das licitações. Ele saiu do cargo em 2017 para ocupar, por um ano, a secretaria de Logísticas e Transportes. Laurence está preso há um mês.

você pode gostar também Mais do autor