conecte-se conosco



Cidades

Cristãos se unem em oração por Rancho Alegre D’oeste

Procurai a paz da cidade para onde vos fiz transportar; e orai por ela ao SENHOR, porque, na sua paz, vós tereis paz. (Jeremias 29:7)

Na noite desse domingo, 22, mais de uma centena de pessoas se reuniram em frente ao portal de entrada do município para levantar um clamor pela cidade. Rancho Alegre D’oeste vem passando por um momento difícil, onde várias famílias perderam seus entes queridos das mais variadas formas. “São mortes inesperadas que colocaram o município praticamente em estado de choque. Nos últimos 10 dias para se ter uma ideia, foram duas percas impressionantes. Um acidente vitimou o secretário municipal de apenas 36 anos, Juninho caiu de uma moto após passar por uma lombada, uma queda que, poderia resultar simplesmente em escoriações, acabou por vitimar um jovem tão querido na cidade – Juninho era filho do ex-prefeito Ulisses Eugênio da Silva que foi o primeiro a administrar o município de 93 a 96.

Outro caso foi a perca de um garotinho de apenas dois anos que se afogou uma represa de um pesque pague da família na Placa São Jorge, deixando a família e a população desoladas. Já foram 11 mortes de pessoas muito queridas na cidade apenas esse ano, incluindo também, o padre Waldomiro por complicações do covid-19, que abalou a comunidade católica.

Diante de um quadro quase inexplicável, cristãos se uniram em oração pedindo a proteção de Deus. O pastor Juarez Ferreira de Jesus da igreja Só o Senhor é Deus, juntamente com os irmãos evangélicos e católicos, levantou um clamor e ungiu todas as entradas da cidade. “Estamos aqui clamando a Deus para consolar as famílias que perderam seus entes queridos e que o Senhor também venha proteger todos as ranchoalegrenses”, disse o pastor.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *